BH em Debate
Você está em : Inicial >Artigo > Detalhes

Artigos

Transparência Brasil apresenta estudo sobre vereadores de São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte

Com base em dados do projeto Excelências, a Transparência Brasil anuncia o relatório “Como são os vereadores de três capitais: São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte”.

Eis algumas das constatações do estudo “Como são os vereadores de três capitais: São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte”.

São Paulo
· Quase 25% dos vereadores têm ocorrência na Justiça ou foram punidos por Tribunais de Contas;
· Cerca de 20% dos vereadores trocaram de partido ao menos uma vez;
· Metade dos vereadores são citados em reportagens jornalísticas por suposto envolvimento em práticas ilícitas;
· No ritmo atual, os vereadores paulistanos gastarão R$ 3,1 milhões em um ano em “consultoria e divulgação”. A TV Câmara, que cumpre exatamente o papel de divulgar as atividades da Casa, consome mais de R$ 10 milhões por ano dos cofres do município;
· Dos 55 eleitos há quatro anos, 40 tiveram arrecadação declarada de mais de R$ 100 mil.

Rio de Janeiro
· Ao menos 12% dos vereadores têm ocorrência na Justiça ou foram punidos por Tribunais de Contas e 20% são citados em matérias jornalísticas sobre corrupção;
· Quase 30% dos vereadores trocaram de partido;
· Dez dos 50 vereadores faltaram a mais de 30% das sessões plenárias;
· Dos 50 candidatos eleitos no Rio de Janeiro, 34 declararam arrecadação superior a R$ 50 mil.
· Das dez maiores doadoras, sete são ligadas à construção civil ou à incorporação de imóveis. A maioria delas teve “eficiência” alta (boa parte dos candidatos financiados se elegeu vereador).

Belo Horizonte
· Quase 10% dos vereadores têm ocorrência na Justiça. Não é possível dizer se algum vereador teve punições no Tribunal de Contas do estado, já que o sítio de Internet do TCE-MG não permite a visualização das decisões;
· Quase 40% trocaram de partido;
· Metade dos vereadores são citados em matérias jornalísticas sobre corrupção;
· Dos 41 vereadores eleitos, 28 declararam receita superior a R$ 20 mil.

Clique aqui para baixar o artigo completo.

 


Desenvolvido por JeffBastos