BH em Debate
Você está em : Inicial > BH em Debate > Conservação da Biodiversidade

Conservação da Biodiversidade

Extinto na natureza, mutum-de-alagoas será exibido pela 1ª vez em cativeiro


Extinto na natureza, mutum-de-alagoas será exibido pela 1ª vez em cativeiro

Extinto na natureza desde a década de 1970, o mutum-de-alagoas (Pauxi mitu) poderá voltar a ser visto a partir desta segunda-feira, 29, no Parque das Aves, em Foz do Iguaçu (PR).

 

O local, o primeiro no mundo a exibir a ave em cativeiro, já abrigava desde junho de 2015 10 casais, mas para não estressá-los, considerou-se importante primeiramente conseguir reproduzi-los. Isso foi possível recentemente, com a geração de 22 filhotes. Também havia um acordo, com outras instituições que trabalham na conservação da ave, que os primeiros exemplares seriam expostos à população de Alagoas, Estado de origem da espécie.

 

Agora a ave, enfim, vai poder ser vista pelo público em geral em um zoológico. A exibição da ave virá junto com a inauguração de uma nova área no parque, denominada “Como salvamos espécies”, que vai mostrar os trabalhos da equipe para evitar o desaparecimento de outras espécies.

 

“Essa ave só vivia na Mata Atlântica de Alagoas e Pernambuco e foi extinta por causa da caça excessiva e porque todo o seu ambiente foi dizimado para o plantio de cana-de-açúcar”, conta a veterinária Paloma Bosso, diretora-técnica do Parque das Aves.

 

Segunda ela, o animal é da família dos galináceos (o mesmo de galos e galinhas), então sempre foi bastante caçado para alimentação. “Era importante envolver e sensibilizar a população local, caso contrário, os animais continuarão ameaçados se um dia conseguirmos devolvê-los ao ambiente.”

 

Os últimos três exemplares vistos na natureza foram recolhidos por um criadouro de animais do Rio de Janeiro em 1979. “A ideia era fazer a reprodução para tentar a reintrodução no futuro. Daqueles três, ao longo desses anos, foram gerados mais de 200”, diz Paloma. É desse grupo que saíram os 10 casais que foram para o Parque das Aves. Várias instituições vêm trabalhando no País, sob coordenação do Instituto Chico Mendes de Conservação da Natureza (ICMBio).

 

A volta da espécie para a natureza, porém, ainda vai precisar de mais tempo. Por um lado, há estudos genéticos para selecionar os animais mais aptos para encarar a vida livre. Depois será preciso checar o comportamento deles – se são capazes de se alimentar sozinhos e se defenderem.

 

O mutum-de-alagoas faz parte de uma lista de 11 animais que foram extintos na natureza no Brasil. Típico da Mata Atlântica, ele desapareceu junto com a diminuição do bioma, que hoje tem somente cerca de 12% de sua área remanescente.

 

Fonte: Giovana Girardi, Estadão

Postado por Jorge Espeschit em 30/01/2018

Pontuação

Média: 0.0
Avalie
12345


0 Comentário para "Extinto na natureza, mutum-de-alagoas será exibido pela 1ª vez em cativeiro"
Seja o primeiro!

Faça seu Comentário

*Todos os campos são obrigatorios













Desenvolvido por JeffBastos